O desafio

Aqui em casa ninguém respeita dia de Natal. Todos os presentes sempre acabam sendo abertos por volta do dia 22, mesmo que eu reclame muito. Nesse ano não foi diferente. Mesmo com alguns presentes a mais, para ver se algum dura até o dia 24, todos eles foram abertos no dia 22.

O que isso tem a ver com essa página? Como eu já mencionei anteriormente, eu sempre quis fazer um blog temático, já que o meu é sobre o nada. Além disso, sempre achei que o dia que eu cruzasse a linha do arroz e do ovo frito, alguma coisa boa podia sair daquela cozinha.

Acho que a ideia de cozinhar e blogar (principalmente a primeira) foi aprovada aqui em casa e, com isso, um dos presentes desse ano foi justamente um livro do Jamie Oliver! A semelhança entre Jamie e Julia é mera coincidência, mas já deu um tema pro blog: ver se eu consigo seguir direitinho as instruções do Jamie. Não vou colocar prazo de um ano, como a Julie fez, porque espero não precisar parar depois de um ano (afinal, o Jamie ainda tem muitos livros lançados).

Para quem não conhece, ele é um cozinheiro e apresentador de TV inglês que tem um monte de programa diferente sobre comida. É ele viajando o mundo e aprendendo receitas, é ele na casa de campo ensinando receitas, é ele no apartamento dele cozinhando coisas fáceis para os amigos, enfim… um monte! Para completar ele também tem vários livros diferentes, projetos sociais e sei lá mais o quê. O cara não para e fala tão rápido quanto cozinha. As comidas dele nem sempre são as mais bonitas e arrumadinhas, porque ele joga tudo quanto é ingrediente até qualquer salada parecer uma floresta tropical, mas sem dúvida parecem gostosas.

Esse livro em especial, Revolução na cozinha – Qualquer um pode aprender a cozinhar em 24 horas, tem uma história diferente. É igual aquela “corrente do bem”, de um filme com o menino que vê “dead people” (lembra?). No caso, cada um que se compromete a aprender as receitas  do livro (tem até um contrato para ser assinado na primeira página) se compromete também a ensinar para mais dois coleguinhas que façam a mesma coisa depois.

Então, quem quiser me acompanhar pelo livro do Jamie, que seja bem vindo. Minha tentativa de mestre cuca começa agora.

Até a próxima!

(23/dezembro/2009)

1 comment / Add your comment below

Leave a Reply